Skip nav

IST
Luísa Ferreira / MCTES

Cooperação Internacional

A FCT é responsável pelo apoio à internacionalização do Sistema Nacional de Investigação e Inovação.
Na área da cooperação internacional a FCT tem assim por missão auxiliar a participação da comunidade científica em:
- programas multilaterais e redes científicas;
- organizações internacionais;
-projetos ou iniciativas conjuntas integrados em acordos e convénios de cooperação científica e tecnológica;
- e acordos bilaterais com componentes científicas celebrados entre Portugal e outros países ou instituições.

Programas da União Europeia

Compete à FCT fornecer informação, apoiar e acompanhar a participação da comunidade científica e tecnológica nos programas de Ciência, Tecnologia e Inovação da União Europeia. A FCT garante a recolha e circulação das informação referente à implementação dos programas, bem como apoio na apresentação de candidaturas.

Horizonte 2020

O Horizonte 2020 – Programa-Quadro Comunitário de Investigação & Inovação, com um orçamento global superior a 77 mil milhões de euros para o período 2014-2020, é o maior instrumento da União Europeia especificamente orientado para o apoio à investigação, através do cofinanciamento de projetos de investigação, inovação e demonstração. O apoio financeiro é concedido na base de concursos competitivos e mediante um processo independente de avaliação das propostas apresentadas.

O Gabinete de Promoção do Programa-Quadro de I&DT (GPPQ) promove e apoia a participação das comunidades nacionais, científica e empresarial no Horizonte 2020.

  • Acções Marie Curie, Programa Pessoas.
  • Iniciativas ao abrigo do Artº 185 do Tratado de Lisboa.
  • ERANETs, Coordenação dos Programas Nacionais no Espaço Europeu através de Redes de Agências de Financiamento.
  • CSAs, Ações de Coordenação e Suporte.
  • EJP, Programa Europeu Conjunto.
  • INCONets, Cooperação em ciência e inovação entre a União Europeia e uma região-alvo do mundo.
  • Eurofleets, Infraestruturas de Investigação, Programa Capacidades.
  • JTIs, Iniciativas Tecnológicas Conjuntas.
  • JPIs, Iniciativas de Programação Conjunta.
  • ERC, Conselho de Investigação Europeu, Programa Ideias
  • 7º Programa Quadro (2007-2013)

    Balanço Final da Participação Portuguesa

Programas Multilaterais e Redes Científicas

A FCT é membro ou representa Portugal em vários Programas Multilaterais e Redes científicas e de política científica dedicadas à cooperação transnacional:

  • COST, Cooperação Europeia no domínio da Investigação Científica e Técnica.
  • CYTED, Programa Ibero Americano de Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento.
  • ESF, Fundação Científica Europeia.

Organizações Internacionais

A FCT apoia e acompanha a participação da comunidade científica e tecnológica nas organizações internacionais de que Portugal faz parte. Os benefícios que daí decorrem para a comunidade científica incluem o acesso das equipas nacionais às infrastruturas científicas internacionais, o aumento da competitividade da indústria, o acesso aos programas de formação e treino e concursos para posições científicas ou de gestão nas diferentes organizações.

A FCT assegura ainda a representação nacional nos órgãos de gestão das instituições internacionais e promove e acompanha o processo de adesão a estas organizações.

  • CERN, Organização Europeia para a investigação Nuclear.
  • EMBC, Conferência Europeia de Biologia Molecular.

    Organizações Relacionadas:

  • ESA, Agência Espacial Europeia.
  • ES0, Observatório Europeu do Sul.
  • ESRF, Infraestrutura Europeia de Radiação de Sincrotão
  • GBIF

    Portugal é membro da Global Biodiversity Information Facility que tem como missão coordenar a standardização, digitalização e disseminação global, num quadro de direitos de propriedade adequado, de dados sobre a biodiversidade mundial, para benefício da ciência e da sociedade.
    Mais informações no portal do Nó português do GBIF – www.gbif.pt

  • IUPAC

    A FCT é um parceiro num programa piloto de cooperação transnacional entre instituições de financiamento e a Divisão de Polímeros da International Union of Pure and Applied Chemistry consubstanciado num concurso piloto.

  • EurOcean, Centro Europeu de Informação sobre Ciência e Tecnologia Marinha.
  • NATO, Organização do Tratado do Atlântico Norte (Programa SPS)
  • OCDE, Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico.
  • SCIENCE EUROPE
  • UNESCO, Organização das Nações Unidas para a Ciência, Educação e Cultura.

Cooperação Bilateral

A FCT apoia a participação portuguesa em projectos conjuntos com instituições de outros países no âmbito de acordos de cooperação científica ou culturais.

Neste quadro está também coberto o fomento e apoio à cooperação da comunidade científica e tecnológica portuguesa com os países da CPLP.

Pode, igualmente, consultar as Perguntas Mais Frequentes (FAQs) bem como o Calendário e Notícias relativos aos Acordos Bilaterais.

Modelo de Relatório a ser preenchido no final de cada ano civil pelo responsável do projecto apoiado ao abrigo dos vários Acordos de Cooperação Bilateral.

Acordos Culturais com Bulgária, Croácia, Eslováquia, Grécia, Irlanda, Luxemburgo, México e Roménia. Os acordos culturais partilham um edital de concurso comum.

Programa Ciência Global

Uma iniciativa de Portugal para a criação de um Centro UNESCO para as Ciências no âmbito da CPLP.

Parcerias Internacionais

Uma das missões da FCT consiste em apoiar a criação de parcerias internacionais, entre entidades científicas e universitárias portuguesas e congéneres líderes a nível mundial.

Política Europeia de C&T

  • EUROHORCs, Presidentes de Conselhos de Investigação Europeus.
  • ESFRI, Fórum Estratégico Europeu sobre Infraestruturas de Investigação.

Outros

  • euroCRIS, Sistemas de Informação sobre Investigação Corrente.
  • ICSTI, Conselho Internacional sobre Informação Científica e Técnica.
  • ScienTI