Skip nav

ECSEL

Iniciativas Tecnológicas Conjuntas (ITC)

No contexto do Horizonte 2020, duas das Iniciativas Tecnológicas Conjuntas (ITC) que contavam com o envolvimento direto de autoridades nacionais, a ARTEMIS-JU e a ENIAC-JU, foram fundidas para criar a nova Electronic Components and Systems for European Leadership - ECSEL Joint Undertaking.

Em destaque

Portugal não assumirá um compromisso financeiro nos concursos de 2016 da ECSEL JU.

As entidades nacionais que queiram participar poderão fazê-lo recorrendo ao financiamento europeu (entre 20% e 35% do total), e a fundos próprios.

A ECSEL foi estabelecida ao abrigo do Artigo 187º do Tratado do Funcionamento da União Europeia, e conta com a participação da Comissão Europeia, dos Estados Membros e Países Associados do Programa Horizonte 2020, e 3 associações industriais (EPoSS, AENEAS e ARTEMIS-IA).

Os objetivos estratégicos da ECSEL incluem:

  • manter a capacidade de produção de semicondutores e de sistemas inteligentes na Europa, e ajudá-la a crescer;
  • assegurar uma posição de liderança em design e engenharia de sistemas;
  • dar acesso a todos os atores a uma infrastrutura de classe mundial para a conceção e produção de componentes eletrónicos e de sistemas inteligentes e embebidos;
  • estimular o desenvolvimento de ecosistemas envolvendo PMEs inovadoras, fortalecer (e criar) novos pólo de competitividade em áreas promissoras;

A história anterior à ECSEL

Tal como acontecera com a ENIAC e ARTEMIS, Portugal esteve envolvido desde o início da ECSEL. Consulte os detalhes da participação nacional em 2014 e em 2015.

O programa específico Cooperação do Sétimo Programa-Quadro da Comunidade Europeia (2007-2013) de actividades de investigação, desenvolvimento tecnológico e demonstração introduziu o conceito de Iniciativas Tecnológicas Conjuntas (Joint Techonology Initiatives) como nova forma de constituição de parcerias público-privadas no domínio da investigação a nível europeu. Tiveram como objectivo apoiar agendas de investigação comuns ambiciosas, em domínios cruciais para a competitividade e o crescimento, contribuindo assim para a construção do espaço europeu da investigação e para o objectivo de reforço da competitividade da Europa.

As ITC resultam do trabalho desenvolvido pelas plataformas tecnológicas europeias (European Technology Platforms), sendo as ITC propostas como um meio eficaz de resposta às necessidades destas plataformas. Portugal participa desde o início em duas ITC, a ARTEMIS-JU e a ENIAC-JU:

Contactos

Rui Durão
FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia
Av. D. Carlos I, 126
1249 – 074 Lisboa
Portugal

rui.durao@fct.pt
Tel: (+351) 213 911 532