Skip nav

Cooperação Internacional

Acordo de Cooperação Científica e Tecnológica entre o MCTES e o Imamat Ismaili

Considerando o crescente relacionamento diplomático entre a República Portuguesa e o Imamat Ismaili e os objetivos comuns relativamente ao incentivo e fortalecimento de competências e capacidades científicas num quadro de cooperação internacional sustentada, foi assinado, em maio de 2016, o Protocolo de Cooperação entre o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior da República Portuguesa (MCTES) e o Immat Ismaili, em Ciência e Tecnologia.

Esta parceria insere-se na Iniciativa Conhecimento para o Desenvolvimento, promovida pelo MCTES, e que inclui novas ações para a dinamização da agenda "Ciência Global" com países Africanos de expressão portuguesa, lançada em 2009, e reforçada e estimulada através desta cooperação bem como através de outras ações relacionadas, como o recém-criado Ciência LP - Centro Internacional para a Formação Avançada em Ciências Fundamentais de Cientistas oriundos dos Países de Língua Portuguesa, um Centro UNESCO de Categoria 2.

Pretende-se, através deste protocolo, estabelecer o lançamento de uma iniciativa conjunta destinada ao fortalecimento da cooperação académica, científica e tecnológica com países e regiões em desenvolvimento, através da capacitação científica, orientada para investigadores promissores e com experiência reconhecida, que aborde tópicos atuais de importância global, promovendo a colaboração multidisciplinar e que garanta recursos financeiros e duração suficientes para permitir um impacto efetivo nestes países e regiões.

As ações previstas no protocolo serão implementadas pela FCT, representando o MCTES, e pela Aga Khan Development Network (AKDN), representando o Imamat Ismaili.

Através desta parceria, e ao abrigo do protocolo, a FCT e a AKDN já lançaram dois Concursos para apresentação de propostas de projetos conjuntos no âmbito da Iniciativa Conhecimento para o Desenvolvimento:

1º Concurso para apresentação de propostas de Projetos Conjuntos (link)

Ao abrigo deste concurso, foram financiados 16 projetos com um investimento conjunto da FCT e da AKDN de 4,6 milhões de euros.

Os 16 projetos estão a ser acompanhados por um Comité de Acompanhamento e Avaliação Externo (ESRP na sigla inglesa), um painel de peritos com reconhecida experiência em Qualidade de Vida em África, selecionados pela FCT e pela AKDN, cujas principais responsabilidades são o acompanhamento e avaliação contínuos dos projetos financiados. O ESRP acompanhará não apenas os resultados científicos, mas também o impacto científico do projeto no desenvolvimento humano e na qualidade de vida, desenvolvendo o seu trabalho através da análise da evolução dos projetos tendo por base os relatórios de progresso anuais, bem como um acompanhamento personalizado de todos os projetos.

O painel é presidido pelo Professor António Rendas, da Universidade Nova de Lisboa e membro do Board of Trustees da Universidade Aga Khan, e composto por:
- Professor Mohamed Azzim Gulamhussen, Vlerick Business School / ISCTE-IUL Business School;
- Professor Jaime Nina, Instituto de Higiene e Medicina Tropical;
- Professor Pedro Pousão, instituto Português do Mar e da Atmosfera;
- Professora Helena Nazaré, Universidade de Aveiro.

2º Concurso para apresentação de propostas de Projetos Conjuntos (link)