Skip nav

Maratona da Saúde

Prémios apoiados pela FCT

Prémios Maratona da Saúde 2022 - Investigação em Doenças Infecciosas

Prémios Maratona da Saúde 2022 - Investigação em Doenças Infecciosas

Vencedores

Luísa Peixe
Prémio Maratona da Saúde | Janssen, Categoria Sénior
UCIBIO_REQUIMTE. Faculdade de Farmácia da Universidade do Porto, Porto
Projeto: Uma nova arma para combater a ameaça crescente da resistência antimicrobiana: caracterização de um potencial antibiótico obtido de um isolado do solo

Pedro Matos Pereira
Prémio Maratona da Saúde, Categoria Júnior
Instituto de Tecnologia Química e Biológica (ITQB) da Universidade Nova de Lisboa, Oeiras
Projeto: Mecanismos de reconhecimento intracelular da superbactéria S. aureus.

Menções Honrosas Maratona da Saúde

Cristina Cunha
ICVS | Universidade do Minho
Projeto: O microbioma pulmonar como alvo terapêutico em doenças fúngicas respiratórias.

Manuela Ferreira
CNC | Universidade de Coimbra
Projeto: Desvendando o papel de micronutrientes nos linfócitos epiteliais do intestino em início de vida.

Katharina Willmann
IGC | Fundação Calouste Gulbenkian
Projeto: Tratamento farmacológico da sépsis com base na regulação da função mitocondrial.

Visão Geral e objetivos

A FCT e a Maratona da Saúde Associação (MdS) pretendem, através da edição de 2022 dos Prémios Maratona da Saúde, apoiar a Investigação em Doenças Infecciosas. Serão distinguidos os dois melhores projetos de investigação científica na área das Doenças Infecciosas, a serem desenvolvidos em Portugal. O Protocolo entre a MdS e a Fundação para a Ciência e a Tecnologia, IP (FCT), celebrado em setembro de 2014, prevê o apoio da FCT no processo de candidatura, incluindo a definição da composição do Júri, e os processos de receção e submissão das candidaturas para o referido Júri. O financiamento a ser atribuído aos projetos de investigação selecionados provém maioritariamente de donativos individuais angariados durante o espetáculo televisivo da MdS, transmitido pela RTP. A Janssen foi um dos parceiros principais da 8ª Edição da Maratona da Saúde e associará o seu nome a um dos Prémios.

Documentos Importantes

Datas Importantes

  • Data limite para submissão de candidaturas: 17 de dezembro 2021 e as 17h00 (hora de Lisboa) do dia 17 de janeiro de 2022

Financiamento e duração

Ao melhor projeto apresentado em cada categoria (Júnior e Sénior) será atribuído o montante unitário de €20.000 (vinte mil euros) para um período máximo de dois anos, com início entre junho e dezembro de 2022.

Destinatários e elegibilidade

Podem concorrer investigadores e/ou médicos, portugueses ou estrangeiros, que tenham completado o doutoramento há menos de dez anos (Categoria Júnior) ou mais de dez anos (Categoria Sénior) à data de abertura deste concurso. São incentivadas as candidaturas que contemplem parcerias entre instituições de investigação, sediadas em Portugal, e hospitais ou outras instituições de saúde, nacionais ou estrangeiras.

Apresentação de Candidaturas

As candidaturas devem ser enviadas através do preenchimento, em inglês, de formulário próprio, acompanhado do Curriculum Vitae do investigador responsável (1 página A4, em inglês), que poderá ser acedido aqui.

Prazo de candidatura

As candidaturas devem ser apresentadas entre o dia 17 de dezembro de 2021 e as 17h (hora de Lisboa) do dia 17 de janeiro de 2022.

Avaliação e seleção das candidaturas

A avaliação das candidaturas é realizada por um Júri proposto pela FCT, constituído por cientistas de reconhecido mérito internacional no domínio da biomedicina.

Depois de seriados os melhores candidatos a concurso, o Conselho Científico da MdS ratifica a decisão do Júri e informa a Direção da MdS, que aprovará os vencedores de acordo com as recomendações de ambos.

Informações

Todas as questões relacionadas com este Concurso devem ser direcionadas para:

Nenhuma informação contida nesta página substitui ou se sobrepõe ao estipulado no Edital e Regulamento do Concurso.