Saltar navegação

News

05-03-2021

Results of the special support “Portugal and the Holocaust: research and memory”

(Only available in Portuguese)

A FCT divulgou os resultados do apoio especial “Portugal e o Holocausto: investigação e memória”, no qual foram selecionados para financiamento 6 projetos de investigação e desenvolvimentos (I&D) de natureza interdisciplinar e pluridisciplinar no âmbito do projeto “Nunca Esquecer” – Programa Nacional em torno da Memória do Holocausto. Este apoio contou com uma dotação orçamental de 200 mil euros financiados por fundos nacionais através do orçamento da FCT.

O prazo de candidaturas decorreu de 18 de dezembro de 2020 a 15 de janeiro de 2021 e foram submetidas 26 candidaturas elegíveis. Os 6 projetos selecionados serão financiados entre os €31.973 e €33.656 por projeto, para uma duração máxima de 12 meses.

Os projetos irão versar sobre as seguintes linhas de investigação e atuação: disponibilização de recursos educativos, em formato físico ou digital, incluindo a criação e produção de conteúdos artísticos que realcem a importância do conhecimento e da memória sobre o Holocausto no domínio da educação, nomeadamente na educação para a cidadania; atuação dos portugueses que se destacaram em diversas áreas, nomeadamente no apoio às vítimas das políticas de perseguição e extermínio nazi, nos percursos de vida das vítimas portuguesas do universo concentracionário nazi durante a Segunda Guerra Mundial, no papel da diplomacia portuguesa, onde se destaca a figura do cônsul Aristides de Sousa Mendes, na ação dos jornalistas, tendo em conta a sua influência na formação da opinião pública e na representação e interpretação culturais surgidas a propósito de todos estes acontecimentos; tratamento arquivístico, digitalização e estudo de acervos documentais portugueses relativos aos temas mencionados; e investigação colaborativa que promova as melhores práticas de intercâmbio de conhecimentos (knowledge exchange), o envolvimento do público (public engagement) e o impacto da investigação sobre esta temática.

Dos projetos selecionados, 4 são coordenados por homens e 2 por mulheres. A comissão de peritos que emitiu parecer científico para apoio à decisão da Presidente do Conselho Diretivo foi composta por 10 elementos, 5 homens e 5 mulheres. A taxa de sucesso das candidaturas foi de 23%.

A Memória do Holocausto é objeto da Resolução de Conselho de Ministros nº 51/2020, de 25 de junho, e inclui um programa com um conjunto de iniciativas de reforço do conhecimento, preservação da memória e divulgação. Este apoio especial a projetos de I&D “Portugal e o Holocausto: investigação e memória”, tendo como referencial o Holocausto e o seu enquadramento conceptual, teve como objetivo promover a investigação científica, desenvolvendo novos conhecimentos em diversas áreas numa perspetiva de multidisciplinaridade, com os contributos da história, da filosofia, dos direitos humanos, dos estudos de religião, da ciência política, do direito, da sociologia, da literatura, das artes, em suma, com os desenvolvimentos das ciências sociais e humanidades, reforçando a sua presença na agenda científica nacional.

News archive ›