Saltar navegação

Notícias

25-06-2020

Duas décadas de expansão na astronomia portuguesa

Portugal é membro do Observatório Europeu do Sul (ESO) há 20 anos. A data assinala-se este sábado, 27 de junho. Este observatório é a maior organização intergovernamental em Astronomia na Europa e o mais produtivo do mundo..

 

Para assinalar a data, o Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA) vai levar a cabo uma série de eventos online, onde vários investigadores do IA irão partilhar algumas das inúmeras descobertas possibilitadas pelos telescópios do ESO durante estes vinte anos.

A adesão ao ESO mudou o rosto da astronomia e da astrofísica no nosso país. A comunidade de investigadores portugueses nestes campos cresceu e espalhou-se pelo mundo, os centros de investigação em solo nacional atraem cada vez mais cientistas de outros países e os nossos investigadores participam em mais projetos internacionais, alguns em cargos de liderança.

O evento deste sábado, 27 de junho, marcado pela celebração destas duas décadas de um “grande salto para o espaço”, terá a participação de Teresa Lago, secretária-geral da União Astronómica Internacional, de Chiara Manfletti, presidente da Portugal Space, e de Paulo Garcia, delegado português ao conselho do ESO. Mais informações na página do evento.

Arquivo de notícias ›