Saltar navegação

News

04-12-2020

SMART project won the first edition of the AI Moonshot Challenge

(Only available in Portuguese)

A primeira edição do AI Moonshot Challenge distinguiu como vencedor do concurso o projeto SMART, que foi galardoado com 500 mil euros para desenvolver uma solução que usa dados de satélite e inteligência artificial para combater poluição nos oceanos. O vencedor foi anunciado esta quinta-feira, 3 de dezembro, durante a Web Summit 2020.

O projeto SMART foi a proposta apresentada pelo consórcio liderado pelo CERENA-IST, que integra o Laboratório de Sistemas e Tecnologia Subaquática (FEUP), Laboratório Associado Centro de Estudos do Ambiente e do Mar (CESAM), Instituto Hidrográfico e MIT-Portugal, e que propõe a aplicação de vários conceitos avançados de Inteligência Artificial, com particular foco em "Physics Informed GANs and Deep Neural Networks", e conjugá-los com imagens de satélite para desenvolver uma solução que permita mitigar o problema do plástico no oceano.

Recorrendo a dados de satélite do programa Copernicus, a equipa do SMART pretende determinar quais as frequências apropriadas para a deteção de plástico em massas de água. Esta informação será complementada com modelos avançados que simulam o comportamento do oceano para aumentar a probabilidade de deteção de plásticos, uma missão dificultada pela dimensão dos detritos e pela resolução das imagens de satélite atualmente disponíveis.

O AI Moonshot Challenge, promovido pela Agência Espacial Portuguesa em cooperação com a Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), Unbabel, Agência Espacial Europeia (ESA), Agência Nacional de Inovação (ANI) e Web Summit, é um concurso com uma vertente internacional que visa encontrar ideias disruptivas que conjuguem dados de satélite e Inteligência Artificial para a deteção de plásticos nos oceanos. O concurso vai ter uma nova edição em 2021, cujas regras de participação serão divulgadas brevemente.

News archive ›