Saltar navegação

News

18-12-2020

Special support for R&D projects "Portugal and the Holocaust: research and memory".

(Only available in Portuguese)

A FCT abriu as candidaturas ao apoio especial a projetos de I&D sob a temática “Portugal e o Holocausto: investigação e memória”, que visa financiar projetos de natureza interdisciplinar e pluridisciplinar no âmbito do Projeto Nunca Esquecer – Programa Nacional em torno da Memória do Holocausto. As candidaturas podem ser submetidas até 15 de janeiro de 2021.

Portugal tornou-se membro da Aliança Internacional para a Memória do Holocausto em dezembro de 2019 e, de acordo com a missão da organização, assumiu um maior compromisso em promover o aprofundamento da educação, da memória e da investigação sobre o tema. Neste contexto, a Memória do Holocausto é objeto da Resolução de Conselho de Ministros nº 51/2020, de 25 de junho, e o seu programa inclui um conjunto de iniciativas de reforço do conhecimento, preservação da memória e divulgação.

Tendo como referencial o Holocausto e o seu enquadramento conceptual, através do apoio especial a projetos de I&D “Portugal e o Holocausto: investigação e memória” pretende-se promover a investigação científica, desenvolvendo novos conhecimentos em diversas áreas numa perspetiva de multidisciplinaridade, com os contributos da história, da filosofia, dos direitos humanos, dos estudos de religião, da ciência política, do direito, da sociologia, da literatura, das artes, em suma, com os desenvolvimentos das ciências sociais e humanidades, reforçando a sua presença na agenda científica nacional.

Os projetos a serem desenvolvidos devem obrigatoriamente produzir resultados a ser objeto de divulgação e comunicação, incluindo uma ou mais das seguintes vias: Bases de dados com recolha de informação; Relatórios e documentos de trabalho em acesso aberto; Publicação científica formal submetida; Recursos educativos: audiovisual, cinema de animação, música, teatro, outros; Material informativo para comunicação dos resultados produzidos; Apresentação pública de resultados, se necessário recorrendo a formatos digitais; Disponibilização de Instrumentos de Descrição Documental (inventários, catálogos).

Este apoio tem prevista uma dotação orçamental de 200 mil euros e os projetos selecionados serão financiados com o limite máximo de 40 mil euros por projeto, para uma duração máxima de 12 meses. Os projetos aprovados serão financiados por fundos nacionais através do orçamento da FCT.

Mais informações na página: “Portugal e o Holocausto: investigação e memória”.

News archive ›